Catarata manual / facoemulsificação / laser

A cirurgia é um procedimento cirúrgico que visa o tratamento de catarata ocular. Oúnico procedimento ou tratamento disponível para a catarata é a cirurgia.

Antigamente, a cirurgia de catarata era considerada arriscada já que era necessário fazer uma incisão de 180º no olho do paciente para retirá-la. Além disso, havia a necessidade de internação hospitalar por uma semana ou mais e as complicações eram freqüentes. Atualmente a cirurgia de catarata é realizada em regime ambulatorial, não havendo necessidade de internação, as complicações são menos freqüentes e após retirar o cristalino, o mesmo é substituído por uma lente intra-ocular (LIO) diminuindo a dependência de óculos no pós-operatório.

Atualmente, a técnica cirúrgica mais moderna para o tratamento da catarata, consiste da remoção do cristalino por microfragmentação e aspiração do núcleo, num processo chamado Faco-emulsificação. Após a retirada da catarata, implanta-se a lente intra-ocular dobrável através de uma microincisão (entre 2,4-2,8 mm) realizada na córnea. Atualmente existe um método mais moderno de cirurgia de catarata a laser, na qual utiliza-se um aparelho de laser de femtosegundo para realização de algumas etapas da cirurgia (incisões, capsulorrexe, nucleofragmentação) com benefício de dar mais precisão, previsibilidade e reprodutividade a cirurgia de catarata.

A escolha adequada da LIO (Lente Intraocular) é de suma importância para satisfação pós cirúrgica do paciente. O implante de uma LIO possibilita além da restauração da visão uma correção refrativa também, ou seja, uma correção do grau dos óculos. Para isso existem as LIOs monofocais (esféricas e esféricas) e as chamadas de LIOs “Premium” (tórica, multifocal, multifocal-tórica) com alta tecnologia que corrigem astigmatismo e possibilitam a multifocalidade (visão de perto e longe). O oftalmologista através do estudo adequado do olho do paciente poderá julgar qual a melhor opção de LIO levando em consideração a expectativa visual do paciente.